Estudantes e professor dialogam com a comunidade do Assentamento Palmares

28/11/2017

 

"A gente foi para ensinar, mas no final aprendeu tanto". Assim o estudante Lucas de Paula do 7o semestre do curso de Jornalismo definiu a participação na Oficina de Rádio Cidadania realizada nos últimos dias 24 e 25 de novembro no Assentamento Palmares, em Crateús. Além dele, Victória Santana, Wellber Teixeira e o professor Ismar Capistrano, participaram da capacitação, promovida pelo Projeto de Apoio à Comunicação Alternativa, Cidadã e Comunitária (Cacco) do Programa Liga Experimental.

 

A Oficina começou sexta a noite com a presença de 20 comunicadores populares e ouvintes da Rádio Comunitária Palmares, que pertence ao assentamento. A discussão girou em torno das características e linguagem do rádio. Na manhã do sábado, foi abordada a programação e a plástica radiofônica. Com base nas discussões, os participantes repensaram a organização dos programas. "Com esta oficina, nossa rádio poderá ter uma qualidade melhor para se aproximar mais ainda de nossos ouvintes e não deixar nada a desejar da concorrência", afirmou Zé Paulo, apresentador do programa Camponesa Informa.

 

A capacitação é a terceira no ano, promovida pelo Cacco. Em fevereiro, o projeto dialogou com a Rádio do Assentamento 25 de maio em Madalena e, em julho, com a rádio comunitária Nativa FM de Tabuleiro do Norte. A iniciativa busca contribuir para o empoderamento dos meios de comunicação livres, alternativos e comunitáiros. Na Oficina na Rádio Palmares, os participantes contaram com apoio do Movimento dos Trabalhadores e Trabalhadoras Sem Terra e do Sindicato dos Professores e Servidores da Educação e Cultura do Estado e Municípios do Ceará (Apeoc).

 

 

Please reload

Notícias recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Tags
Redes sociais
  • Facebook Basic Square
  • Instagram Social Icon